Ibuprofeno é anti inflamatório

O ibuprofeno é anti-inflamatório e o analgésico muito utilizado em diversas situações. Ele é muito eficaz, por exemplo, para tratar inflamações, dores de cabeça e, claro, as inconvenientes e desagradáveis cólicas menstruais¹.

Disponível no mercado farmacêutico desde 1969, o ibuprofeno hoje integra no Brasil a lista de Medicamentos Isentos de Prescrição (MIPs). Ou seja, não demanda apresentação nem retenção de receita médica¹.

No entanto, isso não significa que a orientação de um médico não seja necessária. Muito pelo contrário, o uso deliberado e sem respeitar as indicações da bula pode prejudicar a saúde e comprometer a eficácia do tratamento medicamentoso¹.

Tendo isso em vista, elaboramos aqui um guia com as principais informações que você precisa saber sobre o ibuprofeno. Continue a leitura e entenda para que serve o ibuprofeno e como e quando tomar esse medicamento.

O que é ibuprofeno? É anti-inflamatório?

O ibuprofeno é anti-inflamatório e analgésico. Ele pertence à classe dos anti-inflamatórios não esteroides (AINEs), sendo muito eficaz no combate a inflamações e a diferentes tipos de dor, como as de cabeça, as musculares e as cólicas menstruais¹.

Para que serve ibuprofeno?

O ibuprofeno serve, principalmente, para tratar processos inflamatórios e combater a dor. Suas propriedades analgésicas são indicadas para promover alívio de dores de intensidade leve a moderada, como dores de cabeça, mialgia, dores nas articulações, cólicas menstruais, dor de dente e pós-operatórias. O ibuprofeno também serve para baixar a febre².

Como o ibuprofeno atua no organismo?

O ibuprofeno tem ação analgésica contra as dores e ainda atua no combate a processos inflamatórios - sendo também antipirético, agindo efetivamente contra a febre².

Ele inibe a ação da enzima ciclo-oxigenase (COX), responsável pela produção das prostaglandinas. Estas, por sua vez, atuam como mediadoras químicas na resposta inflamatória².

Quando tomar ibuprofeno?

É recomendado tomar o ibuprofeno quando o desconforto for de leve a moderado, desde que o usuário seja adulto ou tenha mais de 12 anos de idade. Esse medicamento tem ação mais intensa do que outros AINEs e analgésicos comuns. Por isso, seu uso é indicado quando essas outras opções se mostram ineficazes³.

Dismenorreia, pós-operatório, enxaquecas fortes e dores musculares um pouco mais intensas são exemplos de situação para se tomar o ibuprofeno. Em quadros febris, esse medicamento também é bastante eficaz³.

Ibuprofeno corta o fluxo menstrual?

Não. Não existe nenhum estudo científico que comprove a relação entre o uso de ibuprofeno e a diminuição ou interrompimento do fluxo menstrual. A menstruação é um processo fisiológico natural, que consiste na descamação da parede interna do útero (endométrio). O ibuprofeno tem ação analgésica e anti-inflamatória, não exercendo influência alguma nesse processo4.

Quais são as contraindicações do ibuprofeno?

O ibuprofeno não é indicado para pessoas alérgicas a esse princípio ativo ou a qualquer outro componente da fórmula, como o ácido fenilpropiônico³.

Há também contraindicação desse medicamento para pessoas menores de 12 anos e para quem pesa menos de 40kg³.

Grávidas a partir do terceiro trimestre de gestação e mães que já estão amamentando devem ter cautela ao fazer uso desse medicamento - de preferência em doses baixas e apenas sob recomendação e acompanhamento médico³.

Como tomar ibuprofeno para inflamação?

A dosagem do ibuprofeno para adultos e crianças acima de 12 anos é de 1 comprimido 3 vezes ao dia, com intervalo mínimo de 4 horas. Não se deve ultrapassar o limite de 3 cápsulas diárias - ou 1200mg/dia³.

Além disso, o ibuprofeno não deve ser administrado por mais de 7 dias consecutivos. Se, após esse período, as dores persistirem, interrompa a medicação e procure um médico o quanto antes para investigar a causa das dores e inflamação e dar início ao tratamento mais adequado para o seu caso³.

Outras recomendações de como tomar ibuprofeno que você deve seguir são:

  • Tome o ibuprofeno com um copo de água e com o estômago cheio para reduzir o risco de irritação;
  • Evite combinações com outros medicamentos;
  • Informe seu médico sobre os medicamentos que você já usa, incluindo outros AINEs e anticoagulantes;
  • Use o ibuprofeno pelo tempo necessário para aliviar os sintomas, conforme indicado pelo seu médico;
  • Evite o uso prolongado do medicamento sem orientação médica;
  • Administre dose inicial de 200 a 400 mg a cada 4 ou 6 horas (sem exceder 1.200 mg por dia) ou dose única de 1600 mg3.

Qual o valor do ibuprofeno?

O preço do ibuprofeno pode variar a depender da quantidade de comprimidos ou cápsulas na embalagem e a concentração do princípio ativo. Por exemplo, é possível encontrar o Buscofem Cápsulas com 400 mg de ibuprofeno nas farmácias e drogarias a partir de R$ 6 (blister com 2 cápsulas).

Buscofem Cápsula Liqui-Gel: seu maior aliado contra as dores! 

Como você pôde conferir neste conteúdo, o ibuprofeno é um anti-inflamatório muito eficaz, com o poder de combater inflamações e aliviar diferentes tipos de dor, como as cólicas menstruais e as dores de cabeça, nas costas e nas pernas³.

O ibuprofeno é o princípio ativo do Buscofem Cápsula Liqui-Gel™. Essa nova forma poderosa faz com que o medicamento aja 2 vezes mais rapidamente que os comprimidos convencionais. A composição líquida das cápsulas permite que você perceba significativa melhora nas suas dores a partir de 20 minutos³.

Os efeitos desse medicamento permanecem de 4 a 6 horas. Como já mencionamos, você pode encontrar o Buscofem em blister com 2 ou caixas com 10 ou 20 cápsulas. E você já sabe, né:

Se dói nas mulheres, Buscofem! 

Buscofem. Ibuprofeno. 

Indicações: tratamento dos sintomas de febre e dores leves e moderadas associadas a gripes e resfriados, dores de garganta, de cabeça, enxaqueca, de dente, nas costas, musculares, articulares e na região abaixo do umbigo, como cólicas menstruais. MS 1.7817.0892. Abril/2022. 

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO. 

LIQUI-GELS® é marca registrada da Catalent Brasil LTDA.